Escolha uma Página

Especialidades

Dr. Johnny é médico cirurgião plástico formado pela USP e com título de especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Atua em cirurgias faciais, corporais e corretivas.

Abaixo, conheça suas principais especialidades.

Corpo

Closed
Abdominoplastia

O que é Abdominoplastia?

A abdominoplastia, cirurgia plástica do abdômen, é um procedimento que remove excesso de pele e gordura. E, além disso, repara os músculos abdominais, que se enfraquecem ao longo do tempo. Como resultado, esta cirurgia proporciona um abdômen mais achatado, firme e mais bem formado.

 

É possível emagrecer com a Abdominoplastia?

O principal benefício de uma abdominoplastia é a melhora do contorno abdominal, e não o emagrecimento. Entretanto, existe uma perda de peso mínima por causa da pele que é retirada. Por isso, não deve ser pensada como uma cirurgia de emagrecimento, mas como um procedimento de melhora do contorno corporal.

 

Quando procurar uma abdominoplastia?

Muitas pessoas procuram este tipo de cirurgia plástica para melhorar a forma e o tônus da região abdomina. Já que ela é muito eficaz na redução da protuberância causada pelo excesso de pele, gordura e músculos abdominais frouxos.

Precisa de anestesia para realizar a abdominoplastia?

Sim. Normalmente anestesia peridura com sedação ou anestesia geral. Mas, pode-se usar também anestesia local com sedação profunda em alguns casos. 

Como é realizado o procedimento?

A escolha da técnica varia em cada paciente, pois é preciso verificar a quantidade e a localização do excesso de gordura, pele e diástase dos músculos do abdômen. A cirurgia dura, em média, três horas.

A abdominoplastia deixa cicatrizes?

Como toda cirurgia, a abdominoplastia deixará cicatrizes. Normalmente elas são muito discretas e quase imperceptíveis, mas depende de cada tipo de pele. Do mesmo modo, as incisões são realizadas em locais facilmente camuflados pelo próprio corpo.

É preciso fazer lipoaspiração junto com a abdominoplastia?

Não é regra, mas existem alguns benefícios. Por exemplo, maior enrijecimento da pele e contorno abdominal mais definido.

Quais são os possíveis riscos e complicações da abdominoplastia?

A abdominoplastia é uma cirurgia plástica moderna, geralmente segura. Principalmente por ser realizada após um plano cirúrgico detalhado escolhido entre o médico e paciente. Mas alguns riscos e complicações associados à abdominoplastia incluem:

  • Infecção;
  • Dor e desconforto ao redor das incisões;
  • Hematoma;
  • Cicatrizes visíveis e proeminentes;
  • Excesso de acúmulo de líquido sob a pele, o que pode exigir uma drenagem com uma agulha;
  • Sensibilidade na pele.
Em quanto tempo é possível se recuperar de uma abdominoplastia?

Geralmente o paciente volta para casa após um dia de internamento, e deve tomar alguns cuidados nas primeiras semanas, como não praticar exercícios ou realizar esforço físico. Normalmente em dois meses já é possível retornar às atividades.

Quais as principais recomendações pós-operatórias?

Prescrição de remédios para dor, orientação para trocas de curativo, uso de cinta modeladora e drenagem linfática. 

 

Lipoaspiração

O que é Lipoaspiração?

A lipoaspiração é uma cirurgia plástica que usa uma técnica de sucção. Por meio de um aparelho aspirador e cânulas, o cirurgião remove gordura localizada de áreas específicas. Por exemplo, em abdômen, quadris, coxas, nádegas, braços ou pescoço. Em resumo, esta cirurgia plástica reduz o número de células adiposas, em quantidade que varia de pessoa para pessoa.

É possível emagrecer com a Lipoaspiração?

Esta cirurgia é indicada para quem quer reesculpir o contorno corporal, eliminando a gordura localizada. Por consequência, não está associada à perda de peso.

A lipoaspiração também é indicada para eliminar a celulite?

Não. O procedimento não remove a celulite, nem as estrias.

É necessário o uso de anestesia?

Sim. Peridual e sedação (maioria dos casos), ou anestesia geral.

Quanto tempo dura a cirurgia e em quanto tempo pode-se voltar às atividades normais?

A lipoaspiração dura, em média, duas horas. Mas varia muito em cada procedimento. Geralmente o paciente permanece 1 dia internado. Após duas semanas já é possível retornar para algumas atividades leves, como por exemplo, caminhadas.

A Lipoaspiração deixa cicatrizes?

Sim, mas a princípio são camufladas pelo próprio organismo ou por roupas de banho de sol.

Os resultados são duradouros?

Para ver os resultados da lipoaspiração é necessário esperar a inflamação diminuir. Em alguns casos, isso pode levar vários meses. No geral, em 6 meses já possível ver melhora na área onde a gordura foi removida.

As mudanças na silhueta do paciente são, geralmente, permanentes – desde que o peso permaneça estável.

Existem riscos ao fazer uma lipoaspiração?

Em virtude do avanço da tecnologia e métodos da lipoaspiração, ela está cada vez mais segura. Ainda assim, deve-se respeitar a quantidade de gordura que pode ser removida com segurança – 5-7% do peso corporal ideal.

Mas, como toda cirurgia, a lipoaspiração também apresenta alguns riscos, como sangramento e reação à anestesia. Do mesmo modo, outras possíveis complicações da lipoaspiração podem ser:

  • Irregularidades de superfície, quando a pele pode parecer murcha devido pouca elasticidade da pele e cicatrização incomum;
  • Acúmulo de líquidos, que pode precisar ser drenado;
  • Sensibilidade temporária ou permanente na área trabalhada;
  • Infecções da pele são raras, mas possíveis;
  • Inchaço;
  • Embolia gordurosa.
Quais os principais cuidados após uma lipoaspiração?

Usar cintas modeladoras, seguindo orientações médicas, bem como a realização de drenagem linfática. Outro cuidado importante é ter uma dieta saudável e fazer exercícios físicos para manter o resultado.

 

Mama

Closed
Ginecomastia

O que é Ginecomastia?

A Ginecomastia é uma condição fisiológica do aumento da mama masculina. Pode afetar um ou ambos os seios, às vezes de forma desigual. Recém-nascidos, meninos que passam pela puberdade e homens mais velhos podem desenvolvê-la. Ela pode ocorrer em virtude de mudanças nos níveis hormonais, embora também existam outras causas como ganho ou perda de peso. Além disso, algumas patologias estão associadas à Ginecomastia, como doenças renais, cirrose, entre outras.

Existem diferentes tipos de ginecomastia?

Não são necessariamente tipos, mas sim características diferentes. As chamadas pseudoginecomastia ou ginecomastia mista se referem à presença de depósitos de gordura na área da mama. Crescimento do tecido glandular ou do tecido mamário por causa de alterações hormonais causam a chamada verdadeira ginecomastia.

Quais os tratamentos cirúrgicos recomendados?

Quando a causa é hipertrofia e hiperplasia das glândulas, o médico retira tecido mamário. Semelhantemente, também pode ser sugerir lipoaspiração isolada para retirar somente gordura, e não a pele. Ademais, os dois procedimentos podem ser combinados.

Qual anestesia é utilizada para a realização da Ginecomastia?

Anestesia peridural com sedação, geral, ou local com sedação. Mas, dependendo do caso, peridural ou até mesmo a geral.

A Ginecomastia deixa cicatriz?

Como toda cirurgia, a Ginecomastia deixa cicatriz. Tamanho e local dependem de cada caso.

A cirurgia demora quanto tempo?

Em média, a ginecomastia dura aproximadamente duas horas.

É preciso internamento?

O paciente pode receber alta no mesmo dia ou permanecer internado por um dia, dependendo de cada caso.

Quais os riscos deste procedimento?

O procedimento para tratar ginecomastia geralmente é seguro. Mas, como em qualquer tipo de cirurgia, existe a possibilidade de riscos como infecção, sangramento, complicações da anestesia, cicatrizes e hematomas.

Quando é possível verificar o resultado final?

É preciso aguardar que o inchaço do procedimento diminua completamente para verificar o resultado definitivo. Sobretudo no fim o primeiro mês já é possível visualizar mudanças.

Qual é o tempo de recuperação?

Após dois meses da cirurgia plástica para correção de Ginecomastia o paciente já pode retornar a todas as suas atividades normais.

 

Mastopexia

Em síntese, procedimento para levantar e remodelar os seios, om ou sem prótese mamária.

 

Prótese de Mama

O que é a cirurgia de mamoplastia de aumento?

O aumento de mama é uma das cirurgias mais realizadas no mundo. Este procedimento tem como objetivo não só melhorar a aparência, como também tamanho e contorno dos seios da mulher.

Quando devo procurar a cirurgia de prótese de mama?

As mulheres consideram o aumento do seio por muitas razões diferentes. Como por exemplo, por perceberem que são pequenos demais ou para corrigir uma assimetria no tamanho. E mesmo para ajustar as mudanças provocadas pela gravidez. Outra indicação é reconstrução mamária secundária em virtude de algum defeito morfológico.

Com quantos anos é possível colocar a prótese de mama?

O mais indicado é após os 16 anos, quando o desenvolvimento dos brotos mamários já está completo.

 

Se ainda não tenho filhos e colocar a prótese, poderei amamentar no futuro?

Sim. A amamentação após a cirurgia plástica de mama é certamente possível, pois o tecido produtor de leite é preservado. Isso porque na mamoplastia a prótese é posicionada abaixo da glândula mamária ou do músculo peitoral.

O procedimento deixa cicatrizes?

Como toda cirurgia, mamoplastia de aumento deixa cicatrizes. No entanto, a depender de tipo de pele e cuidados pós-operatórios, podem ser quase imperceptíveis. A colocação da prótese pode ser feita via abdominal, axilar, periareolar ou no sulco das mamas. A evolução da cicatriz ocorre de acordo com a patologia de cada paciente.

Como é a escolha do tamanho da prótese?

Aspectos físicos, como por exemplo altura, peso e comprimento do tórax influenciam a escolha do tamanho, assim como o desejo da paciente. Por isso, o Cirurgião Plástico faz uma consulta detalhada antes do procedimento. 

É preciso anestesia?

Sim. Anestesia geral, bem como sedação peridural ou anestesia local com sedação.

Meu organismo pode rejeitar a prótese?

É raro, mas sim. Nesse sentido, pode ocorrer contratura capsular. Ou seja, o organismo tenta expulsar a prótese, formando uma cápsula de tecido conjuntivo que contrai sobre ela mesma. Medicamentos no início do diagnóstico podem ser usados para retardar o processo. Contudo, em casos mais avançados, a prótese e a cápsula devem ser retiradas. É possível fazer uma nova tentativa após alguns meses.

Faz-se necessário a troca da prótese em quanto tempo?

É necessário trocar apenas quando houver complicações por causa da presença do silicone no organismo. No entanto, é extremamente necessário o acompanhamento pós-operatório para evitar riscos e complicações.

Em quanto tempo é possível voltar às atividades normais?

Geralmente já é possível retornar às atividades cotidianas em até dois meses.

 

Face

Closed
Blefaroplastia

O que é Blefaroplastia?

Cirurgia para retirar excesso de pele e gordura das pálpebras, assim melhorando o aspecto. Também trata bolsas sob os olhos.

Quais as principais indicações para realizar uma Blefaroplastia?

Para pessoas que têm excesso de pele em pálpebras superiores e inferiores. Isso pode interferir não apenas no aspecto estético da face, mas também na visão periférica. Trata também pálpebras superiores folgadas ou caídas e bolsas sob os olhos.

Qual a melhor idade para realizar o procedimento?

Qualquer idade, desde que haja algumas das queixas já citadas acima, e avaliação médica detalhada.

A blefaroplastia deixa cicatrizes?

Sim, como em todo procedimento cirúrgico. Mas, como as cicatrizes são muito finas, elas ficam totalmente disfarçadas nos sulcos da própria pele.

É preciso anestesia?

Sim. Não apenas local com sedação, mas outros tipos de anestesia, à critério do anestesista e das comorbidades do paciente.

Existem riscos na blefaroplastia?

Existem riscos, como em todo procedimento cirúrgico. Mas, com um planejamento adequado, tornam-se baixos. Em suma, a blefaroplastia é muito segura e quase não apresenta intercorrências.

Inchaço, manchas roxas, hemorragia subconjuntival e infecções na região são muito comuns, ou mesmo problemas com anestesia. Podem surgir também sangramentos e infecções, como em qualquer tipo de cirurgia.

As manchas roxas são comuns na Blefaroplastia?

Sim, elas são o resultado de uma infiltração do sangue abaixo da pele ou na conjuntiva ocular, como uma resposta do organismo à cirurgia. Geralmente desaparecem sozinhas e não interferem no resultado final. É importante evitar exposição ao sol enquanto estiver com as manchas roxas, pois aumenta a chance de elas se tornarem definitivas

É preciso ficar internado para fazer o procedimento?

Depende. Na maioria das vezes é possível voltar para casa no mesmo dia do procedimento.

Em quanto tempo é possível verificar o resultado final?

O tempo de recuperação varia muito em cada pessoa. A princípio, no final do primeiro mês é possível ver mudanças no aspecto da região. Contudo, somente depois de 4 a 6 meses observamos o resultado final.

Quais os principais cuidados pós-cirúrgicos?

É recomendado dormir com a cabeça virada para cima, bem como evitar exposição ao sol e fazer compressas embebidas em soro fisiológico gelado ao longo dos primeiros dias. Seu médico esclarecerá demais particularidades. 

Toxina Botulínica

O que é toxina botulínica?

A toxina botulínica é produzida pela bactéria Clostridium botulinum. Quando aplicada em determinados músculos do rosto, diminui a contração. Como resultado, reduz rugas e linhas de expressão da face.

Quais as áreas em que a toxina botulínica pode ser aplicada do rosto?

Geralmente ela é aplicada nas principais áreas em que as rugas aparecem: testa, entre as sobrancelhas, ao redor dos olhos e lábios, além de reduzir também a aparência envelhecida do colo e pescoço.

Como é realizado o procedimento?

O procedimento de aplicação da Toxina Botulínica é rápido e seguro. Primeiramente o médico aplica um anestésico tópico para diminuir a sensibilidade e dar conforto ao paciente. Ele também pode sugerir uma máscara de gelo para minimizar ainda mais a dor.

Em seguida, o cirurgião plástico aplica a toxina com injeções de uma seringa muito fina, com o mínimo de desconforto possível.

A toxina botulínica é utilizada apenas para fins estéticos?

Não. O tratamento de hiperidrose, condição que provoca suor excessivo nas axilas ou na palma das mãos, também pode usar.

Existem riscos para este procedimento?

Sim, como por exemplo aparecimento de manchas roxas, inchaço e pequenos sangramentos nos locais em que a Toxina Botulínica é aplicada.

Quais os principais cuidados após a aplicação?

Em geral, o paciente deixa o consultório no mesmo dia. Entretanto, é aconselhável fazer exercícios físicos apenas no dia seguinte. No mesmo sentido, deve evitar compressão do local e movimentos bruscos com a cabeça no primeiro dia.

Quando é possível verificar os resultados?

Os efeitos da aplicação da Toxina Botulínica aparecem em dois dias. O resultado final fica mais expressivo até o fim da primeira quinzena.

Os resultados são permanentes?

Não. Os efeitos da Toxina Botulínica duram, em média, 6 meses.

 

Em quanto tempo se pode fazer novamente o procedimento?

Após 6 meses já é possível aplicar novamente.

 

Ritidoplastia

Também conhecido como lifting, é a cirurgia plástica que elimina e suaviza rugas na região facial e do pescoço, dando ao rosto um aspecto mais jovem.

Cirurgias Corretivas

Closed
Tratamento para câncer de pele

O tratamento de câncer de pele pode ser feito através de diversos procedimentos cirúrgicos diferentes, dependendo do tipo e do tamanho da lesão. Tratamento para remoção de tumores, buscando a cura da doença mais saudável para a pele, por meio da cirurgia plástica.

× Agende uma consulta!
Copy link
Powered by Social Snap