Escolha uma Página

Qual é a relação entre cirurgia plástica e autoestima? O mês de setembro é uma boa oportunidade para refletir sobre o assunto. Durante todo o setembro amarelo temos diversas campanhas em favor de uma boa saúde mental.

Em alguns casos, cirurgias plásticas comprovadamente ajudam no aumento da autoestima. O acompanhamento de um profissional capacitado é essencial para esclarecer dúvidas e garantir a sua saúde quando for fazer uma cirurgia.

É importante não confundir “autoestima” com “saúde mental”. Assuntos como depressão, ansiedade, entre outras questões psicológicas, são muito mais complexos do que simplesmente problemas com autoestima. São doenças que atrapalham o funcionamento diário, e estão além de tristeza ou aceitação do próprio corpo. Caso você não esteja se sentindo bem, procure ajuda.

 

Os benefícios da cirurgia plástica para autoestima

 

Além dos benefícios estéticos e para saúde, as cirurgias plásticas têm impactos na sensação de bem-estar e na autoestima de pacientes. Isto é notório em relatos de pacientes, e é consenso científico na área da Saúde. Pesquisas em Psicologia e em Enfermagem atestam os benefícios das cirurgias na vida de pacientes.

Esta pesquisa, na área de Psicologia em 2007, explica como cirurgias plásticas melhoraram a vida de algumas mulheres. As pesquisadoras entrevistaram as pacientes, e descobriram melhorias nas relações interpessoais e sexuais, aumento da auto-estima, e melhor harmonia entre mente e corpo, após as cirurgias. 

Outro estudo, na área de Enfermagem, alcançou conclusões parecidas. Ele descreve e analisa experiências de pacientes que fizeram cirurgias plásticas estéticas. Depois dos procedimentos, a relação das mulheres com o espelho melhorou, elas passaram a usar roupas mais alegres, e tiveram melhorias nas relações com outras pessoas. 

As cirurgias plásticas podem ajudar a solucionar problemas com a autoimagem. Alcançar o resultado desejado traz sensação de bem-estar e isto interfere positivamente no comportamento dos pacientes.

Mas, reforço: é importante lembrar que apesar dos benefícios, elas não solucionam problemas de ordem psicológica. Autoestima e representação do corpo na mente são pontos importantes, mas saúde mental é mais amplo do que isso.

Cirurgia plástica e autoestima: a importância do acompanhamento

Por isso, o acompanhamento de um profissional qualificado, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) é muito importante para definir quais procedimentos podem ser realizados sem prejuízos para a sua saúde física e mental.

É importante estar atento aos limites do próprio corpo e contar com o apoio de um médico de confiança. O cirurgião plástico realiza um acompanhamento completo de cada paciente, que se inicia muito antes da data da cirurgia propriamente dita.

Uma série de exames é solicitada para proporcionar segurança e conforto. Além disso, ocorrem diversas conversas para indicação dos procedimentos adequados para cada paciente, alinhamentos das expectativas sobre os resultados, e explicação sobre as cirurgias, cicatrizes e período pós-operatório.

Estes cuidados pré-operatórios e relação de confiança entre cirurgião e paciente são importantes para garantir os benefícios que uma cirurgia plástica pode proporcionar para a saúde e autoestima.

Ainda tem dúvidas sobre cirurgia plástica?

× Agende uma consulta!
Share via
Copy link
Powered by Social Snap